O poder da shell

19.05.2007

Usar a shell para determinadas tarefas pode parecer difícil. Pode ser ou não tudo depende da situação e do objectivo que pretendemos. Não é por acaso que os utilizadores de GNU/Linux experientes usam a shell com muita frequência. O importante é conhecê-la e saber aproveitar o seu poder.

Por exemplo, uma usando a shell permite-nos fazer coisas que em ambiente gráfico precisariam de inúmeros clique no rato. O exemplo a seguir demonstra bem o poder da shell:

Suponhamos que pretendemos criar pastas e subpastas e subsubpastas. Com o rato era uma tarefa que demoraria tempo e necessitaria de muitos cliques.

Agora usando um terminal podemos fazê-lo de uma só vez e com um único comando:

$mkdir -p
{tmp/,documentos/{imagens/{wallpapers/,icones/,fotos/},textos/{manuais/,artigos/}}}

Simples e Rápido!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: